Diante das novas normas de open banking, os bancos tradicionais terão que se transformar em provedores de serviços digitais na cloud para atender as exigências cada vez maiores dos clientes. Veja como as novas normas afetarão diferentes regiões geográficas e regimes de pagamento.

  • As empresas terceirizadas podem criar aplicações financeiras usando os dados e a infraestrutura de um banco por meio de APIs
  • Empresas, bancos e fintechs estão começando a investir em novas tecnologias para lidar com os novos métodos de pagamento e continuar atendendo as demandas dos consumidores
  • As novas regulamentações são voltadas para o aumento da inovação e colaboração entre bancos e fintechs, para que os clientes tenham segurança, transparência e poder de fazer escolhas com relação aos seus dados.

Temos crescido com grande rapidez porque o mundo está girando no eixo digital, mas a verificação de identidade ficou presa no eixo físico (...) e, se considerarmos que o objetivo de um banco é justamente conectar mutuários e poupadores e centralizar a confiança, podemos descentralizar o fator confiança.

– Husayn Kassai, cofundador, Onfido (EUA)

Baixe gratuitamente:

O open banking está transformando a indústria de pagamentos digitais | Whitepaper Equinix