Atualizamos nossa política de privacidade para atender as novas leis de proteção de dados. Ver política de privacidade ›

Perguntas do cliente sobre a Verizon

Expandir tudo

O que a Equinix está anunciando?

Em 1 de maio a Equinix anunciou a completa aquisição do portfólio de data centers da Verizon nos Estados Unidos e América Latina, uma oportunidade única de expandir nossa presença nas Américas com ativos que abrigam densos ecossistemas de telecom e enterprise. A quisição inclui 29 data centers em 15 mercados numa transação avaliada em US$3,6 bilhões

Por que a Equinix concorda em adquirir esses ativos específicos?

Esta aquisição dos 29 data centers aumenta significativamente a nossa plataforma de interconexão, potencializa os nossos esforços junto aos setores governamentais e de energia e apoia a nossa oferta corporativa. Também proporciona uma oportunidade única para a Equinix expandir sua presença nas Américas. Os novos ativos trazem um número significativo de novos clientes corporativos Platform Equinix ao estabelecer presença em novos mercados (Culpeper, Houston e Bogotá) e nos principais mercados existentes, incluindo Atlanta, Denver, Miami, Nova Iorque, São Paulo, Seattle e Vale do Silício.

Várias instalações-chave incluem:

Miami NAP das Américas (“NOTA”) (MI1) é um ponto de interconexão-chave e destino para implantações de clientes, e posiciona ainda mais a Equinix para o crescimento latino-americano.

  • Mais de 120 operadoras globais interconectando-se a cerca de 150 países
  • Possui o quarto maior ponto de troca de internet nos EUA
  • Age como um gateway de rede para a América Latina
  • Hospeda pontos terminais de 15 sistemas de cabos submarinos

As unidades de Bogotá (BG1) e São Paulo (SP4) estendem nossa presença no crescente mercado latino-americano. A unidade de São Paulo (SP4) é um hub primário de telecom, finanças e cloud na América Latina, com dois (2) pontos de troca de tráfego (IX).

  • O data center adquirido em São Paulo (SP4) conecta-se diretamente aos data centers Equinix International Business Exchange™ (IBX®) SP1, SP2 e SP3 via Metro Connect
  • Nó de maior tráfego no IX.Br (antigo PTT.Br, IX nacional do Brasil)

As quatro instalações em Culpeper, Virginia, (CU1 , CU2, CU3, CU4) potencializam as nossas relações no setor público e fornecer uma base sólida para avançar nossas iniciativas governamentais.

A unidade de Houston (HO1) expande nossa presença a um novo mercado de área metropolitana nos EUA e ajuda a potencializar nosso progresso com o setor de energia. Houston é a quarta maior cidade dos EUA (pela população), e tem a quarta maior contagem das empresas Fortune 500.

Quais data centers estão incluídos na transação?

A Equinix vai adquirir 29 instalações nas seguintes áreas metropolitanas e locais:

Estados Unidos

Atlanta

  • ATL1 AT4
  • ATL2 (Norcross) AT5

Boston

  • BOS1 (Billerica) BO2

Chicago

  • ORD1 (Westmont) CH7

Culpeper

  • IAD3 (Culpeper) CU1
  • IAD3 (Culpeper) CU2
  • IAD3 (Culpeper) CU3
  • IAD3 (Culpeper) CU4

Dallas

  • DFW1 (Irving) DA9
  • DFW2 (Richardson Alma) DA10

Denver

  • DEN1 (Englewood) DE2

Houston

  • IAH1 (Houston) HO1

Los Angeles

  • LAX1 (Torrance) LA7

Miami

  • MIA1 (Miami NOTA) MI1
  • MIA2 (Doral) MI6

Nova York

  • EWR1 (Carteret) NY11
  • EWR2 (Piscataway) NY12
  • LGA1 (Elmsford) NY13

Seattle

  • SEA1 (Kent) SE4

Vale do Silício

  • SJC2 (San Jose) SV13
  • SJC3 (Santa Clara) SV14s
  • SJC3 (Santa Clara) SV15s
  • SJC3 (Santa Clara) SV16s
  • SJC3 (Santa Clara) SV17s

Washington, D.C.

  • IAD1 (Ashburn) DC13
  • IAD4 (Manassas) DC14
  • IAD2 (Herndon) DC97

América Latina

São Paulo

  • GRU1 (São Paulo NAP) SP4

Bogotá

  • BOG1 (Bogotá NAP) BG1

Quais são os quinze (15) mercados em que os ativos estão hospedados?

Esta transação aumenta as opções e escolha dos clientes em todos estes 15 mercados: Atlanta, Bogotá, Boston, Chicago, Culpeper, Dallas, Denver, Houston, Los Angeles, Miami, Nova Iorque, São Paulo, Seattle, Vale do Silício e Washington, DC. As três áreas metropolitanas que são novas no nosso portfólio são Bogotá, Culpeper e Houston.

O número de data centers que vocês estão adquirindo desde o anúncio em dezembro sofreu alguma alteração?

Sim. O data center de Richardson, TX (Parkway) não poderia ser facilmente separado das porções remanescentes de posse da Verizon (espaços de escritório e laboratório), e foi excluído da transação.

Em Santa Clara, já havíamos listado três unidades em vez de quatro, devido a elementos de infraestrutura compartilhada entre dois dos edifícios, mas por meio de planejamento de integração decidimos dividi-lo em dois locais, de modo a simplificar as operações.

Qual é o preço de compra dos ativos da Verizon?

O preço de aquisição dos 29 ativos da Verizon nas Américas é de US$ 3,6 bilhões.

Como essa aquisição reforça a sua posição no mercado e melhora suas oportunidades de crescimento?

Esta aquisição complementa e amplia nossa estratégia de expandir a nossa plataforma global e aumentar a densidade de cloud e rede para atrair empresas. Também proporciona uma oportunidade única para a Equinix expandir sua presença nas Américas.

A compra dos 29 ativos acrescenta aproximadamente 1.000 novos clientes, incluindo mais de 600 novos à Platform Equinix, 29 data centers, três novas áreas metropolitanas, cerca de 3 milhões de ft² brutos, e expande as oportunidades de venda entre os mercados adicionais. Com a aquisição da Verizon, adicionamos 21 ativos próprios à carteira, incluindo os principais ativos em Miami e as quatro instalações em Culpeper.

Quantos de seus ativos nas Américas são próprios e quantos são alugados? Globalmente?

Antes da aquisição desses ativos, a Equinix era proprietária de 34 de suas 150 unidades IBX, que geraram 36% de nossas receitas em 2016 . O portfólio de data centers adquiridos complementa bem nossa estratégia em curso de continuar a sermos proprietários de nossos ativos. Os ativos da Verizon eram 85% próprios, e com esta combinação agora seremos donos de 45% do nosso portfólio combinado da Equinix Americas, ou 40% da plataforma global geral. Com a aquisição dos ativos da Verizon, adicionamos 21 ativos próprios à carteira, e isso inclui os ativos-chave em Miami (MI1 e MI6) e os quatro data centers em Culpeper (CU1, CU2, CU3 e CU4.). Concluindo, seremos proprietários de 55 dos 179 data centers.

Como vocês conseguirão integrar a Telecity, Bit-isle e agora esses ativos da Verizon, ao mesmo tempo?

Os ativos da Verizon representam a nossa sexta maior aquisição ao longo da última década (IXEurope, Switch & Data, Alog, Bit-Isle, Telecity, Verizon). Por meio da integração dessas aquisições anteriores e com os nossos recentes investimentos no Equinix Customer One (ECO), desenvolvemos uma sólida plataforma para integrar aquisições e temos uma equipe de especialistas experientes em integração com uma cartilha de estratégias bem desenvolvida. A maioria dos recursos necessários para concluir a integração com a Verizon estará localizada na região das Américas.

Quantos clientes não Equinix ganham nesta operação?

Os ativos da Verizon incluem aproximadamente 1.000 clientes sendo mais de 600 novos integrantes à Platform Equinix. Muitos desses clientes são empresas da Fortune 1000 e ou entidades do governo federal ou local. A Verizon permanecerá como um cliente substancial e um parceiro-chave após o encerramento desta negociação.

A Equinix e a Verizon tem algum cliente em comum? Como vocês acham que esses clientes reagirão?

Considerando tanto a experiência da Equinix quanto a da Verizon na indústria e o alcance a grandes players corporativos e provedores de serviços, há uma série de clientes comuns. Ambas as empresas acreditam que os nossos clientes enxergarão a transação favoravelmente e terão o prazer de ter empresa como a Equinix trabalhando com o excelente histórico operacional da Verizon.

O que a aquisição traz para a sua presença na cloud?

Esta aquisição proporciona uma presença combinada maior de prestadores de serviços em cloud e telecom, o que aumenta ainda mais a atratividade do ecossistema Equinix para os clientes. Ambas as instalações em Culpeper (CU1, CU2, CU3, CU4) e Miami NOTA (MI1) têm tração significativa com clientes governamentais e agregam importante diversidade geográfica para players corporativos e provedores de cloud. Além disso, este acordo prevê um nó AWS Direct Connect em São Paulo (SP 4), e o Google Cloud Platform, tanto em São Paulo quanto em Bogotá (BG1).

Para quais novos mercados vocês estão se expandindo?

Novas áreas metropolitanas: três (3)

  • Houston – já faz um tempo que temos considerado Houston como um mercado de expansão e isso proporciona uma boa entrada nesse mercado. Houston é a quarta maior área metropolitana nos EUA, ocupando o posto de quarta maior dentre as empresas Fortune 500, sendo um mercado corporativo de grande importância.
  • Bogotá – a Colômbia tem o maior número de desembarques de cabo submarino da América Latina. 94% do tráfego de internet na Colômbia é impulsionado por conteúdo internacional
  • Culpeper – um local-chave para iniciativas federais de cloud e TI. Os gastos federais com cloud representam um mercado extremamente grande, com previsão de crescimento de mais de 20% CAGR (de acordo com o relatório Deltek GovWin IQ Prioridades Federais: Cloud, Big Data, Mobilidade e Data Centers, 2015–2020

O que essa aquisição significa para a América Latina?

Esta aquisição expande nossa presença e reforça nossa estratégia na América Latina, com instalações adicionais em Miami (MI1, MI2) e São Paulo (SP4), e a entrada em um novo mercado com um data center em Bogotá, Colômbia (BG1). Essas novas unidades vão permitir que os clientes tirem proveito de ecossistemas de negócios interconectados e da experiência comprovada da Platform Equinix. O Miami NOTA (MI1) é um ponto-chave de interconexão e porta de entrada para a América Latina; isso aumenta a densidade da nossa rede com 90 operadoras globais de interconexão para cerca de 150 países, incluindo as principais rotas submarinas para a América Latina.

No Brasil, a nova unidade em São Paulo (SP4) – nossa sexta unidade no Brasil – é um hub primário de cloud e telecom na América Latina com dois pontos de troca de tráfego de internet (IX). Ela se conecta diretamente às unidades existentes no Brasil (SP1, SP2 e SP3) via Equinix Metro Connect após o fechamento, expandindo substancialmente nossos ecossistemas e nos ajudando a gerar ainda mais interconexão no mercado.

Qual é a estratégia de investimento da Equinix na América Latina?

Quando se trata de investimentos, continuamos pensando na criação de valor para os stakeholders e em expandir a nossa posição de liderança global em todos os mercados. Somos sempre proativos e altamente seletivos sobre o potencial da M&A e procuramos oportunidades para:

  • Aumentar nossa plataforma global (diversidade de receitas de clientes)
  • Melhorar a densidade de interconexão/rede e a densidade da cloud
  • Aumentar a escala e acesso às principais empresas nas principais verticais de mercado

A Equinix continua acreditando na América Latina como um mercado emergente em crescimento onde podemos capturar nova demanda impulsionada pelo rápido crescimento de uma economia digital. Vemos muitos macroindicadores-chave que estão impulsionando a nossa convicção, incluindo:

  • A maturidade do mercado e a maturidade da internet estão evoluindo em países da América Latina
  • Há uma aceleração nas tendências digitais macro (consumo de banda, número de contas em mídias sociais, gastos com TI, dispositivos conectados, cloud computing etc.)
  • A região tem o maior número de novos cabos submarinos quando comparada com o resto do mundo
  • Nossos clientes globais estão nos mostrando sua intenção de implementar suas estruturas na América Latina

Desde a aquisição dos ativos de data center como Terremark e Savvis há vários anos, as operadoras foram desafiadas a otimizar o seu valor. Como a Equinix pode se sair melhor?

A Equinix tem a intenção de fazer os investimentos necessários nessas instalações para agregar mais valor à expansão da nossa plataforma de ecossistemas interconectados globalmente pelos ativos recém-adquiridos. Além disso, estamos adicionando esses ativos à uma carteira que inclui mais de 1.400 operadoras no mundo todo, dando aos clientes mais opções e aos nossos provedores de rede, mais recursos onde possam implementar. Nosso único foco como empresa é expandir o alcance da nossa plataforma global de data center e agregar o máximo de valor ao cliente por meio da interconexão e de nossos ecossistemas digitais. Esse foco nos dá confiança de que seremos capazes de dar aos negócios a atenção que precisam para terem sucesso.

A Verizon usa essas instalações para dar suporte a suas operações próprias? Sendo uma operadora a detentora anterior desses ativos como a Equinix vai atrair outras redes novas para os ativos adquiridos?

A Verizon vai continuar a ser um cliente em muitas das instalações, e a Equinix vai operar a carteira de forma carrier-neutral. Os sites da Terremark no portfólio eram carrier-neutral antes da aquisição da Verizon e já acomodam múltiplas operadoras. Temos um histórico significativo na transição de sites de propriedade de operadoras em nossa plataforma carrier-neutral e adicionar densidade da rede significativa a esses locais, o tethering de nossos locais no nível de área metropolitana para criar “campus virtuais”, reforça esta estratégia.

Quais são os impactos dessa aquisição nos canais?

Com o anúncio conjunto em 30 de março, finalizamos um importante relacionamento de novo canal com a Verizon, que escolheu a Equinix para ser seu exclusivo parceiro de colocation global. Além disso, vimos o interesse dos nossos parceiros de canal sobre a nossa presença expandida em novos mercados, como Houston e Culpeper, e particular interesse do canal em nossas novas possibilidades junto ao setor governamental.

Quais serviços da Verizon foram transferidos para a Equinix?

Apenas os produtos de colocation relacionados ao espaço, energia e interconexão no interior de cada instalação foram transferidos para a Equinix. A Verizon vai continuar a oferecer todos os seus outros serviços e soluções que estão sendo vendidos nesses locais por meio da sua própria equipe de Vendas.

Se eu sou um cliente da Verizon com um contrato pré-existente, ele será honrado nos seus termos atuais ou vou precisar de um novo contrato com a Equinix?

A Equinix é obrigado a honrar todos os termos e condições dos contratos existentes relativos ao negócio de colocation pela duração do contrato existente. No entanto, para simplificar o seu relacionamento com a Equinix, seríamos gratos se conseguíssemos usar seus termos Equinix existentes (se você for um cliente atual da Equinix) ou assinar novo contrato Equinix, o que tornaria muito mais rápido a solicitação de novos serviços locais ou globais.

Como a Verizon e a Equinix garantem que os clientes não sejam prejudicados por questões de atendimento ao cliente durante a transição?

Nossos clientes são a nossa prioridade número um. A Verizon e a Equinix detalharam os planos de transição em vigor e trabalharão em estreita colaboração com os clientes durante esse período de tempo.

Se eu sou um cliente de Serviços Gerenciados ou Cloud, este serviço será prestado pela Verizon ou pela Equinix de hoje em diante?

Essa aquisição não afeta clientes de hospedagem gerenciada e cloud da Verizon, nem os clientes de seus data centers na Europa, Ásia-Pacífico e Canadá. A Verizon vai continuar a prestar serviços de hospedagem e cloud fora desses data centers por meio da contratação junto à Equinix do espaço de data center necessário.

Participei do programa de revendedor da Verizon. A Equinix tem um programa de revendedor semelhante em que eu possa participar?

Sim, a Equinix tem o Programa de Parceiros Equinix. Você pode encontrar mais informações sobre o Programa de Parceiros Equinix em Equinix.com/partners.

Com quem posso falar para tratar questões diversas?

A Equinix criou um endereço de e-mail exclusivo para dúvidas gerais dos nossos novos clientes da Verizon. Envie suas perguntas ou solicitações para welcome@equinix.com e nós responderemos em até 24 horas.




Twitter

Compartilhe este conteúdo

Facebook LinkedIn Google+ Twitter Adicione

Fale conosco:

Fale conosco pelo telefone

Ligue-nos
Vendas Rio de Janeiro: +55.21.3083.3333
Vendas São Paulo: +55.11.3524.4300
Suporte Rio de Janeiro: +55.21.3083.3330 / +55.21.3958.2564
Suporte São Paulo Support: +55.11.3958.2564

0800.282.3330